quarta-feira, 26 de julho de 2017

Depressão na Menopausa

17:58
Depressão na Menopausa


Hoje vamos falar sobre um assunto que atingi boa parte das mulheres ma menopausa e que muitas não sabem lidar com esse sintoma que é a depressão.  Costumo dizer é fundamental a mulher conhecer os sintomas da menopausa e assim poder enfrentá-los. Achei esse texto da Virginia Pinheiro muito bom e estou compartilhando com todas vocês. 

MENOPAUSA, DEPRESSÃO E INSTABILIDADE EMOCIONAL
 por: Virginia Pinheiro

Para muitas mulheres a menopausa é uma fase delicada onde podem ocorrer alterações psicológicas como depressão e instabilidade emocional. É fundamental conhecer as causas e os sintomas dessas alterações para poder lidar com eles da melhor forma possível. Reproduzimos aqui uma parte da entrevista que o Dr. José Renó, médico psiquiatra, concedeu ao Dr. Dráuzio Varella. Nessa entrevista, ele fala com clareza a respeito do assunto.





“É importante que as pessoas saibam as diferenças entre as diversas fases desse período denominado genericamente de menopausa. Na realidade, o climatério começa por volta dos 41 anos de idade e se estende por mais ou menos os 65 anos e é marcado por pequenas alterações físicas e psicológicas. Dentro dessa grande margem de tempo, ocorre a menopausa, isto é, a data em que aconteceu a última menstruação e que só pode ser determinado retrospectivamente depois que a mulher passou pelo menos um ano em amenorreia (sem menstruar).




Antecedendo o episódio da menopausa temos a perimenopausa, período em que há alterações hormonais importantes, especialmente nos níveis de estrogênio e progesterona. Nessa fase, a vulnerabilidade feminina é maior aos sintomas físicos e psíquicos. Entre os físicos destacam-se os fogachos (ondas de calor intenso) e, entre os psíquicos, tristeza, desânimo, irritabilidade e labilidade emocional, ou seja, grande flutuação do humor. Muitas se queixam ainda de insônia e alteração da memória. Por isso, é fundamental determinar se a mulher se encontra na perimenopausa ou na pós-menopausa, fase em que os transtornos psiquiátricos são menos prevalecentes.

Quando se fala em menopausa, é preciso deixar bem claro que diversos fatores influenciam o desenrolar do processo. Não é apenas uma questão hormonal. Há fatores psicossociais preponderantes que marcam esse período e podem estar na gênese dos transtornos psíquicos.

Por exemplo, a mulher que tinha uma vida socialmente ativa e se dedicou plenamente à família e a educação dos filhos, de repente se depara com os filhos crescidos, saindo de casa, e vive a síndrome do ninho vazio. Além disso, a relação conjugal pode estar passando por transformações que exigem diálogo para reconstruí-la em novos moldes. Dependendo do seu arcabouço psicológico, recursos internos e personalidade, essa mulher irá elaborar de forma construtiva ou não as modificações que estão ocorrendo em sua vida na época da menopausa.




Nessa fase, a mudança de hábitos de vida é fundamental. Isso envolve mudanças comportamentais. A mulher precisa dedicar-se a atividades que lhe deem prazer, resgatem sua autoestima e a estimulem mentalmente. É importante aceitar novos desafios como um curso de informática, se nunca mexeu com computadores, frequentar uma faculdade ou um curso de idiomas para ampliar os horizontes, resgatar o convívio com os amigos e rever o tipo de relacionamento e vínculo estabelecido com as pessoas da família.

A atividade física é fundamental. Além de prevenir a osteoporose, está provado que melhora o humor e a memória. O exercício físico não só aumenta a secreção de endorfinas, opióides endógenos que funcionam como analgésicos naturais, mas também aumenta a secreção de serotonina, um hormônio neurotransmissor que interfere positivamente no estado afetivo da mulher.




São recomendáveis também algumas mudanças na dieta, porque nesse período há alterações do metabolismo. Muitas mulheres acham que engordam porque estão fazendo reposição hormonal, outro mito. Na realidade, nessa faixa etária, a mesma ingestão calórica dos anos anteriores produz sobrepeso por causa da redução da atividade metabólica e não por causa dos hormônios.”

Se você apresenta sintomas de depressão, labilidade emocional, insônia, perda da memória etc., é importante que converse com o seu médico uma vez que o tratamento, dependendo de cada caso individual, pode envolver terapia de reposição hormonal, uso de antidepressivos, terapias naturalistas e até, se necessário, psicoterapia.

( Fonte: Viva50.com.br/)

quinta-feira, 20 de julho de 2017

Conheça os Benefícios da Alfavaca

15:34

Alfavaca também conhecida como manjericão-de-folha-largae ( Ocimum basilicum)   é uma planta perene que mede aproximadamente 60 cm de altura, sendo originária da Ásia e África. É uma planta conhecida pelos seus galhos com muitas ramificações, com suas folhas postas, com um formato oval, e pela sua cor verde clara.

O manjericão tem flores brancas e um pouco rosadas. Uma das características das suas flores é a sua disposição tipo espiga. As suas sementes são pequenas e pretas. É usual serem retiradas as suas primeiras florações para aumentar o número de folhas e o ciclo da planta.



Na medicina tradicional, é usado como planta medicinal. As suas folhas e flores são utilizadas no preparo de chás, por suas propriedades tônicas e digestivas, sendo indicados ainda para problemas respiratórios e reumáticos.




O óleo essencial de manjericão (menos de 1%) tem uma composição complexa e variável, segundo o clima, o solo, a época da colheita, etc.Os mais importantes componentes aromáticos são cineol, linalol, citral, estragol, eugenol e cinamato de metila, embora não necessariamente nessa ordem. Outros monoterpenos (ocimeno, geraniol, cânfora), sesquiterpenos (bisaboleno, cario­fileno) e fenilpropanóides (metil eugenol) podem estar presentes, em concentrações variáveis, com forte influência sobre o sabor.

Propriedades medicinais|
As vitamina A e C são algumas das vitaminas mais abundantes na folha da alfavaca. Sendo indicadas para o ardor ao urinar. As suas folhas são também fantásticas para produzir compressas, que devem ser aplicadas nos mamilos doridos das lactantes. Outra das características da folha do manjericão é o auxílio à boa circulação e dores reumáticas, sendo também bom para tosse e resfriados. O manjericão favorece igualmente a digestão e reduz a fadiga.[carece de fontes] Uma outra utilidade que é reconhecida ao manjericão é o seu uso em pomadas antibacterianas




Analgésica, antiemética, antifebril, antisséptico, aperiente, aromatizante, calmante, carminativa, digestivo, dispepsia nervosa, diurética, emenagoga, estimulante digestivo, estimulante, estomacal, expectorante, excitante, galactógeno, hidratante, relaxante, revigorante, sedativo, sudorífera, tônica.


 Max Amora


Indicações: afta, amigdalite, angina, antraze, aumentar a lactação, bico do seio rachado, bronquite, catarro, cólica, debilidade de nervos, dispepsia, doença das vias respiratórias, dor de cabeça nervosa, dor de garganta, enxaqueca, espasmo, espinha, estagnar o sangue, febre, ferida, flatulência, fraqueza, frieiras, furúnculo, garganta, gases, gastrite, gripe, infecções intestinais, dos rins e do estômago, insônia, picada de inseto, problemas digestivos, resfriado, reumatismo, tosse, tuberculose pulmonar, vermes, vômito.

Fontes de pesquisa: 
www.plantasquecuram.com.br
Wikipédia.com

terça-feira, 18 de julho de 2017

Saiba a causa principal das dores nas articulações

10:55
https://app.monetizze.com.br/r/BVT100145


Você sabia que a principal causa das dores articulares é a falta de minerais no corpo?

ATENÇÃO AOS SINAIS!
O início das dores articulares pode ter como característica apenas uma ou poucas articulações inchadas, quentes e dolorosas. Normalmente acompanhada de rigidez de movimentos.

"O problema principal é a DOR e a diminuição da função articular, ou seja, da mobilidade das juntas", segundo os médicos reumatólogos.

Contudo, também é fundamental ficar atento a outros sinais que podem indicar o quadro de artrite, tais como: cansaço, perda de peso, anemia, febre baixa e inflamações nas juntas, como mãos, punhos, cotovelos, pés, tornozelos, joelhos e quadril.




Um dos grandes problemas relacionados à artrite é que ela pode incapacitar o paciente, justamente porque LEVA A DESTRUIÇÃO DAS JUNTAS, O QUE OCASIONA A DEFORMIDADES E LIMITAÇÕES para o trabalho e para as demais atividades do dia a dia, até mesmo as mais simples e corriqueiras.

Mas não é preciso se desesperar, uma vez que o TRATAMENTO adequado quando realizado precocemente pode amenizar os sintomas e MELHORAR A QUALIDADE DE VIDA de quem tem a doença, Garantindo Mais Bem-Estar.

Veja os ponto do corpo mais atingidos 

 Bio Mac

O CONTROLE DO PH CORPORAL É FUNDAMENTAL PARA A SUA SAÚDE


  • As Dores Articulares são doenças que se desenvolvem quando o organismo está ácido e a tendência do nosso corpo é justamente essa, principalmente por causa dos hábitos alimentares.
  • E é a acidez que desarranja toda a nossa fisiologia, nos deixando mais propensos a inúmeros problemas de saúde.
  • O uso diário do Biomac deixa o PH corporal ligeiramente alcalino, o que vai proporcionar um Ajuste Geral em sua fisiologia, acabando de vez com as Dores Articulares.
  • A absorção gástrica do BIOMAC não depende de pH estomacal, tornando-se assim a mais eficaz fonte de cálcio para pessoas com idade acima de 50 anos.




Dor Articular É Coisa Séria

Você Precisa Se Cuidar!



Você já deve saber que ter Dores nas Articulações é muito preocupante. Esse quadro pode evoluir para Artrite, Artrose, Reumatismo ou outras doenças que não tem cura. Então preste atenção nestas Dicas para aliviar os sintomas:


  • Melhorar a alimentação, evitando alimentos que pioram as inflamações;
  • Alcalinizar o PH do Seu Corpo;
  • Tomar sol para obter a vitamina D é uma prioridade, evite comprar a vitamina pronta;
  • O exercício físico é ótimo como parte do Tratamento;
  • Fortalecimento Muscular também é importante;
  • Preste atenção na sua postura;
  • Muito Cuidado com o uso de anti-inflamatórios e Analgésicos, os efeitos colaterais são terríveis;
  • Cuide do seu estado psicológico;

ACABE COM AS DORES!
ELIMINE AS INFLAMAÇÕES, RESTAURANDO OS OSSOS E FORTALECENDO OS MÚSCULOS COM O BIO MAX. 


O que é o BioMac? O BioMac não é remédio. Ele é um complemento alimentar natural que vai fornecer minerais orgânicos ao organismo, proporcionando um melhor funcionamento deste, tornando-o mais forte. Também capacita o próprio organismo em prevenir e combater várias doenças, ou situações adversas.


 Bio Mac


O BIOMAC É UMA ALGA MARINHA 100% NATURAL E ORGÂNICA;

 Bio Mac
Na compra do seu BioMac você leva o Manual da Qualidade de Vida. Nele você vai aprender 
  • Quais os Melhores Alimentos Para Ajudar Na Desinflamação do Seu Corpo
  • Lista dos Piores Alimentos Que Devem Ser Evitados de Qualquer Maneira
  • Cardápio Com Alimentos Anti-inflamatórios Para 2 Semanas
  • Exercícios Recomendados
  • Terapias Alternativas
  • Os Direitos de Quem Tem Artrite

Onde comprar o BioMac? O Bio Mac é vendido somente pelo site oficial Bio MacVocê pode comprar pelo boleto ou parcela em até 12x no cartão. O frete é grátis.

Composição do Bio Mac 




 Bio Mac